O DISCURSO DE LULA

Em quatro de março de 2016, após ter prestado depoimento à Polícia Federal em São Paulo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva discursou no diretório do PT, em São Paulo. Compreensivelmente emocionado com os acontecimentos, Lula demonstrou mais uma vez como sua visão da realidade e do comportamento que se espera de um ex-presidente é confusa e despida de grandeza e senso ético.

A íntegra do discurso do ex-presidente pode ser visto na Internet, por exemplo aqui. Acredito que Lula merece ser tratado de forma respeitosa em função do cargo que ocupou, e penso que o pedido de prisão preventiva encaminhado pelo Ministério Pública do Estado de São Paulo foi resultado de uma decisão precipitada. Mas o discurso revela que o ex-presidente parece sinceramente acreditar que os crimes de que é acusado não são crimes, pelo menos no caso dele.

Minha leitura é de que a argumentação do ex-presidente  se desenvolve segundo seis linhas principais,  identificadas abaixo, juntamente com as citações que as corroboram  e um comentário que expressa minha opinião sobre os argumentos apresentados.

 

L1:atacar a justiça e a imprensa:

A minha briga com o Ministério Público Estadual é porque o procurador já fez um pré- julgamento…

…preferiram utilizar a prepotência, a arrogância, num show e espetáculo de pirotecnia.

É lamentável que uma parcela do judiciário brasileiro esteja trabalhando em parceria com a imprensa brasileira.

Qualquer juiz que prende alguém recebe um prêmio da Rede Globo, da revista Veja e, assim, a partir do dia que receber o prêmio precisa prestar conta.

Sabe as pessoas ficam cúmplices, obedecem, por exemplo, a orientação da revista Época. O procurador resolveu fazer o papel da revista Época e pedir investigação das minhas palestras… 

COMENTÁRIO: O ex-presidente afirma seguidamente que é vítima de uma campanha orquestrada pelo Judiciário e pela grande imprensa. É verdade que os vazamentos seletivos de informação sobre os depoimentos da Operação Lava a Jato minam a credibilidade da Justiça e expõe os processos a contestações no futuro. Mas é absurdo imaginar que a investigação resultou de um conluio entre a imprensa e o Poder Judiciário para prejudicar Lula ou o PT. O fato, comprovado além de qualquer dúvida razoável, e que já resultou em muitas condenações, é que uma organização criminosa operou durante muitos anos na Petrobrás, causou um imenso prejuízo à empresa e distribuiu bilhões de reais para financiar as campanhas do PT e seus aliados. A única dúvida é até que ponto Lula estava envolvido na roubalheira!

 

L2: apresentar-se como vítima de perseguição das elites:

… não há nenhuma explicação para irem atrás dos meus filhos. Nenhuma explicação – a não ser o fato de eles serem meus filhos.

Um delegado de polícia que quer saber o que aconteceu com a medida provisória não tem que perguntar para o presidente.

Eles agora querem saber do acervo do Lula. .

…eu só quero pedir desculpas porque hoje, nesse país, ser amigo do Lula parece que virou coisa perigosa. 

COMENTÁRIO: Lula embaralha diversos assuntos e confunde causa e consequência. Seus filhos estão sendo investigados porque detêm um patrimônio absolutamente incompatível com a renda que poderiam ter auferido; tudo indica que utilizaram a condição de serem filhos de Lula para traficar influência e obter vantagens indevidas. O aparente enriquecimento ilícito tem que ser esclarecido, até mesmo para afastar qualquer suspeita sobre a honradez da prole do ex-presidente. Afinal, um dos filhos de Lula demonstra talento quase insuperável para os negócios: em poucos anos, passou de guarda de zoológico a suposto dono de um dos mais modernos jatinhos em operação no Brasil. Se tais negócios forem legais, teríamos aí um Ministro da Fazenda em potencial…

Assim como, em geral, ninguém se preocupa com os filhos de ex-presidentes (FHC tem filhos? Quem são?), normalmente ninguém se preocupa com medidas provisórias ou acervos. É que somente no caso do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva há fundadas suspeitas de que (a) pessoas muito próximas a ele “venderam” medidas provisórias e; (b) houve também uma confusão entre o acervo do presidente e o acervo da Presidência por ocasião de sua mudança de Brasília para São Bernardo.

Finalmente, mais uma vez a estória é contada de maneira inversa. Não é perigoso ser amigo do ex-presidente, pois ao que consta ninguém foi preso por privar de sua amizade. O que os fatos mostram é que Lula parece escolher muito mal suas amizades, uma vez que muitos de seus amigos estão na cadeia por crimes tais como peculato, corrupção ativa, lavagem de dinheiro, formação de quadrilha, etc.

 

L3: declarar-se como o campeão da luta pela democracia, bem como o melhor governante da história brasileira, quiçá universal:

Antes dele [Moro], nós já fazíamos as coisas corretas nesse país. Porque enquanto eles não faziam nada, a gente estava lutando para que esse país conquistasse o direito de liberdade de expressão, o direito de uma imprensa livre, de candidatura de partido político, o direito à greve.

Eu sinceramente achei que ao eleger a Dilma eu tinha consagrado a minha vida. Porque eu tinha duas teses: presidente bom é aquele que se reelege e “bibom” é que aquele que faz sucessor.

Eu deixei a presidência como o melhor governante, o mais bem avaliado…

Qual milagre vocês fizeram para aprovar as cotas, colocando negro na universidade? Qual milagre vocês fizeram para criar o Prouni, que milagre vocês fizeram para aprovar o FIES? Que milagre vocês fizeram para levar energia a 15 milhões de pobres nesse país? Que milagre que vocês fizeram para que aumentassem o salário mínimo todos esses anos?

Eu fui melhor que todo cientista político, todo fazendeiro, que todos os advogados. Eu provei que o povo humilde desse país pode andar de cabeça erguida. Que o povo humilde desse país pode comer carne de primeira. 

COMENTÁRIO: É inegável que Lula desempenhou um papel importantíssimo na redemocratização do país, e que seu governo trouxe grandes melhorias para os mais pobres. O Brasil atravessou um período de grande crescimento econômico, milhões de brasileiros foram resgatados da miséria absoluta, a distribuição de renda tornou-se mais justa e o IDH aumentou muito. Pode-se argumentar que boa parte do sucesso dos governos de Lula deveu-se ao saneamento das finanças públicas promovido por FHC, e às circunstâncias externas muito favoráveis, e resta ver quanto do que foi feito de bom restará após a recessão que atravessamos agora. Mas Lula garantiu seu lugar na história como um dos presidentes mais notáveis que o país já teve e seu nome será lembrado nos livros escolares e em teses acadêmicas. É uma pena que sua biografia seja manchada pelo escândalo da corrupção.

 

L4: considerar normais suas relações com empresários criminosos.        

Se preocupando porque eu estou utilizando a chácara de um amigo. Eu uso a do amigo porque os inimigos não oferecem.

Esse companheiro comprou uma chácara na perspectiva de permitir que eu usasse. Eu não posso usar, porque é crime eu estar usando a chácara?

Quem tem casa em Nova York, em Paris, nunca me ofereceu, se oferecesse eu ia.

Eu quero saber quem vai me dar um apartamento quando esse processo terminar. Eu quero saber se vai ser a Globo que vai me dar, se vai ser o Ministério Público que vai me dar. Porque não é meu, porque eu não paguei, não comprei.

Essas empresas não trabalham só pra Petrobras. Essas empresas não estão apenas comprometidas com a Lava Jato. Essas empresas chegaram a ter 180 mil trabalhadores, 80 mil trabalhadores e 90 mil trabalhadores.

Ou seja, todo mundo pode, menos essa merda desse metalúrgico. 

COMENTÁRIO: O teor dos comentários demonstra que Lula parece desconhecer o significado da palavra ética e a questão do decoro do cargo, que deve ser mantido pelo resto de sua vida. De um ex-presidente exige-se uma conduta inatacável. Lula parece não entender que aceitar favores de empreiteiros não é uma atitude decente e que, ainda que ele nada desse em troca, o simples fato de envolver-se com grandes empresas fornecedoras do governo causa uma profunda suspeição em qualquer pessoa. Agindo como age, o excelentíssimo ex-presidente da República enlameia sua biografia e se transforma num joguete dos que lhe concedem benesses. E não tem absolutamente nada a ver com “todo mundo pode, menos essa merda desse metalúrgico”. Qualquer pessoa que assim procedesse, até o Papa, estaria sujeita a suspeitas, processos, etc. Também soa estranho o fato de que Lula parece achar que outras pessoas tem a obrigação de dar-lhe coisas, que ele aceitaria de bom grado… Será que o salário de ex-presidente e os duzentos mil dólares que ele afirma cobrar por palestra não bastam?

 

L5: acentuar a divisão do país entre “nós” e “eles”

…porque não há outra coisa para incomodá-los a não ser a gente ter trabalhado durante todos esses anos para fazer com que as pessoas do andar debaixo subissem um degrau na perspectiva de chegar no andar de cima.

Na hora que nós fizemos os pobres terem acesso à universidade, ter acesso ao mínimo elementar para comer, acesso ao emprego, programa Bolsa Familia, Luz para Todos, Pronatec…isso incomodou muita gente.

Eles partem do pressuposto que pobre nasceu para comer em cocho. 

COMENTÁRIO: O discurso de Lula e de boa parte do Partido dos Trabalhadores tem como base a divisão dos brasileiros em duas categorias: “nós” (suspeita-se que sejam os petistas, os trabalhadores que apoiam o PT, o MST, os “movimentos sociais”, os “excluídos”) e “eles” (suspeita-se que sejam os tais “coxinhas”, a classe média tão odiada por Marilena Chauí, sacerdotisa-môr do culto lulo-petista, a “elite” que sempre desprezou os pobres). À esta divisão acrescenta-se a pregação do ódio entre as duas categorias. A política é vista como um jogo de soma zero, onde a vitória de um lado só  é alcançada com a liquidação do outro. É esta lógica sinistra que explica porque o governo petista acabou por gerar uma organização criminosa destinada a perpetuar o partido no poder a qualquer custo.

 

L6: ameaçar veladamente convocar a militância lulo-petista para a confrontação.

O que eles fizeram com esse ato de hoje foi fazer com que a partir da semana que vem… eu quero dizer aqui à CUT, ao PT, aos sem terra, ao PCdoB, que a partir da semana que vem me convidem que eu estarei disposto a andar esse país.

...só tem um jeito de a gente levantar a cabeça. É a gente não ter medo. É a gente levantar a cabeça e fazer com que eles sejam tratados igual todos nós somos tratados.

A partir da semana que vem quem quiser um discursinho do Lula é só acertar. Passagem de avião – não vai de ônibus que demora muito.

…se quiseram matar a jararaca, não bateram na cabeça. Bateram no rabo e a jararaca está viva como sempre esteve. 

COMENTÁRIO: Como todo cidadão brasileiro, Lula tem o direito constitucional de viajar pelo país e discursar para quem estiver disposto a ouvi-lo. É um líder carismático e seu partido conta com milhares de militantes fanáticos; por outro lado, grande parte da população está irritada com o governo e com o PT. Assim, discursos inflamatórios podem ocasionar conflitos violentos. Todos esperam que aos problemas que o Brasil já tem não se some mais este…

Publicado por

joaoazevedojunior

I am a retired electronic engineer. who likes to write about issues that I consider interesting. I welcome your comments and constructive criticism.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s