LÁ COMO CÁ? DOIS CORRUPTOS CONCEDEM ENTREVISTAS

A raiz de muitos dos males que desgraçam esta nação  é uma só: a impunidade. Nascem daí frutos malditos como a violência assassina e a corrupção. Colocado de maneira simples: no Brasil o crime compensa e está em situação vantajosa aquele que tem a consciência suficientemente flexível para se tornar um canalha; a ele tudo será dado e nada lhe será tirado… .

Deixando de lado os argumentos históricos, sociológicos, psicológicos, etc., permito-me limitar este comentário à narrativa de fatos ilustrativos de por que o Brasil é o que é e não o que poderia ser. São casos extremos, mas servem para ressaltar a questão central..

Cena I: Estados Unidos,  final da década de 1980: um dos secretários de estado de New York, se não me falha a memória da área de transportes,  foi apanhado num esquema de propinas. Ao ser acusado, e ciente de que havia provas incontestáveis de sua culpa, este senhor convocou a imprensa para uma entrevista coletiva e, no decorrer da mesma, tirou de um envelope pardo um revolver de grosso calibre e matou-se com um tiro na boca. Ele sabia que seria preso, condenado a longos anos de prisão, teria que devolver todo o dinheiro roubado, além de pagar multas pesadíssimas, ou seja, perderia a liberdade e ficaria arruinado.

Pano rápido.

Cena II: Brasil, início da década de 2010: funcionários da prefeitura de São Paulo são pegos envolvidos em fraude na arrecadação de ISS (estimativa do valor roubado: R$500.000.000,00). Um dos auditores fiscais envolvidos, criminoso confesso, é entrevistado por um repórter da rede Globo; está na internet, basta fazer uma procura por “Fantástico corrupção prefeitura São Paulo”. No final da entrevista, durante a qual o entrevistado descreve a vida nababesca que o dinheiro sujo lhe proporcionava, o repórter lhe pergunta: “Você não se arrepende de ser um corrupto?”; o jovem senhor responde, com um meio sorriso nos lábios, “Esta pergunta eu não sei lhe responder…”.

Quem quiser saber o que aconteceu com os envolvidos, faça uma busca na internet e depois julgue por si mesmo que resposta o entrevistado provavelmente daria hoje….

Enquanto não tivermos uma Justiça rápida e eficaz, que assegure a punição efetiva do desrespeito às leis, a corrupção e a violência só irão aumentar, simplesmente devido à
relação custo/benefício.

Publicado por

joaoazevedojunior

I am a retired electronic engineer. who likes to write about issues that I consider interesting. I welcome your comments and constructive criticism.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s